Terça Junho 19 , 2018
Text Size
   

Depoimentos SGE


 

 

Mensagem original:

 

 

De: ROBSON PEREIRA DE MELLO PEREIRA DE MELLO< Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Para: Claudio Mendonça < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Assunto: Depoimento sobre o SGE!

Enviada: 30/05/2010 12h31min

 

Magé, 30 de maio de 2010.

 

            Eu, ROBSON PEREIRA DE MELLO, Coordenador Regional da Serrana IV, com abrangência nos municípios de Magé e Guapimirim, gostaria de falar sobre o que chamo de revolução na administração da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro. Quando o Claudio Mendonça assumiu a SEEDUC, encontrou uma administração pesada, arcaica e sem memória. Não se tinha registros confiáveis, de números de alunos, professores, carências da rede. Uma secretaria com um universo de cerca de 1600 escolas divididas nas 29 Coordenadorias Regionais, ou seja um gigante desconhecido e desorganizado. Entre outras ações administrativas, a administração do Secretário Claudio Mendonça, uma que veio organizar a Rede foi a implantação do SGE, Sistema de Gestão Educacional, este sistema ao meu ver, foi uma criação brilhante, no sentido de organizar e sistematizar as informações necessárias, para controle e acompanhamento do desempenho Administrativo e Pedagógico da Rede Estadual de Ensino. Como todo sistema, ele precisa ser testado, e implantado gradativamente. Não se pode imaginar que um sistema desse porte, possa ser implantado de uma só vez, assim como também não se pode esperar que  não tenha problemas. Todo sistema precisa de ajustes, e adaptações a cada realidade.

            Se hoje a Rede Estadual tem um Quadro de Horários funcionando de forma confiável, isso se deve ao trabalho Pioneiro de Equipe de Informática da SEEDUC, na administração do Claudio Mendonça. Se temos hoje, o trabalho de implantação do Conexão Educação na SEEDUC, também se deu pela base construída pelo SGE.  Um trabalho pioneiro, que revolucionou e vem revolucionando a forma de administração do Sistema Educacional do Estado do Rio de Janeiro.

            Não dá para falar dessa administração, sem falar do Sistema Participativo nas decisões. O Fórum de Diretores, e de Alunos, bem como os encontros entre Coordenadorias Regionais, proporcionou uma administração democrática e interativa. Na região de Magé, os nossos diretores e professores da Rede Estadual, reconhecem no Claudio Mendonça, a figura do Secretário que Revolucionou a Educação do Nosso Estado. E são unânimes em afirmar que podemos classificar a SEEDUC, antes e depois do Claudio, já que é senso comum entre todos, que as mudanças ocorridas na nossa educação, são obras do Claudio Mendonça! Vou aqui citar o que disse uma Diretora do C.E. José Veríssimo, membro do Fórum de Diretores: “ Que saudade tenho do Claudio Mendonça. Com ele tinha muito trabalho, mais nós conseguíamos  falar, e olhar olho no olho. E eu duvido se ele não parava e dava atenção. E até voltava atrás se necessário. Ele tinha um jeitão que parecia arrogância, mas era pura determinação!”     

            Finalizando, classifico o Programa do SGE, como um grande divisor de águas para a Administração Escolar dos dias de hoje. Uma ferramenta versátil, que pode ser adaptada a qualquer realidade.

 

 

  

Robson Pereira de Mello

Tels.: 87151523, 92046929, 85968234. 


Mensagem original

De: kezia soares < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Para: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Assunto: Avaliação do SGE

Enviada: 01/06/2010 13h21min

 

 

Estou enviando em anexo avaliação do SGE.

 

Kézia Soares

 

 

 

SISTEMA DE GESTÃO ESCOLAR

 

            O gerenciamento das demandas cotidianas da escola requer do gestor grande habilidade e disponibilidade integral para atuar.

            Possuir ferramentas de trabalho que o auxiliem na execução de suas tarefas é primordial para o sucesso de sua atividade.

            O Sistema de Gestão Escolar, SGE, configura-se como um importante instrumento de auxílio ao gestor no controle das ações relacionadas à vida escolar do aluno e da organização do quadro discente da unidade escolar. Suas aplicações favorecem o bom andamento do setor burocrático, propiciam maior transparência nos documentos emitidos pela secretaria da escola, além de manter este setor sempre atualizado e organizado.

 


 

Mensagem original

De: CE Nilo Pecanha < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Para: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Assunto: IMPORTÂNCIA DO SGE

Enviada: 19/05/2010 15h08min

 

 

   Com as informações obtidas através do SGE, foi possível visualizar a prioridade do Colégio Estadual  Nilo Peçanha oportunizando a participação de nossa  Unidade Escolar no PDE.

   Enfatizamos a implantação do programa SGE, como um marco importantíssimo na Gestão do Secretário Claudio Mendonça.

 

 

                     Atenciosamente

    SÍLVIA MARIA LINHARES GOMES

    COLÉGIO ESTADUAL NILO PEÇANHA - DIRETORA GERAL

 


 

Mensagem original

De: Ruy Monteiro < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Para: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Assunto: Depoimento SGE

Enviada: 27/05/2010 14h35min 

Prezado Claudio Mendonça,

Recentemente participei de um mini debate profícuo entre professores da rede pública estadual de educação do nosso estado a respeito das trajetórias de gestão dos titulares da pasta, entre 2003 e os diais atuais.

Por que 2003? Porque em fevereiro desse ano voltei para a Coordenadoria Regional Serrana III (Petrópolis, Teresópolis e São José do Vale do Rio Preto) da SEE-RJ como Coordenador Regional, exercendo as funções até março de 2007. Você com certeza lembra-se desse detalhe.

Constatei que as pessoas guardam memória positiva da época em que você foi Secretário de Educação, entre 2004 e 2006.

Um deles afirmou, e todos concordaram que você desencadeou uma nova era na gestão da secretaria com componentes político-administrativos e tecnológicos e preocupação com a transparência das informações e da organização estrutural.

Foi lembrado que com a implantação do Sistema de Gestão Escolar – SGE você virou a página institucional da secretaria, colocando esse órgão no mundo real da gestão educacional substantiva, conectada com a modernidade da informática.

Quem poderia imaginar que o complicado Quadro de Horários dos docentes, escola por escola, iria se transformar como efetivamente ocorreu, por exemplo, em uma planilha da verdade permitindo as adequações necessárias para, inclusive, suprir a carência de professores em várias escolas mediante movimentações autorizadas. Os “fantasmas” desapareceram!

Todos os gestores escolares perceberam a importância do projeto SGE para melhorar a dinâmica administrativa e pedagógica, embora alguns, muito poucos, tenham resistido às mudanças. Afinal, as ações sempre geram reações.

Antes que a conversa se expandisse em círculos concêntricos, lembrei aos mestres que você desencadeou, efetivamente, uma mudança radical ao seu estilo, porém necessária, na cultura dos procedimentos de gestão escolar. Radicalidade como expressão do convencimento.

Esse bate-papo, na verdade, emergiu em função de ter revelado aos meus interlocutores que você exerce atualmente as funções de Presidente da Fundação Municipal de Educação do Município de Niterói.

Esse grupo com certeza estará torcendo para o seu sucesso – porque o seu sucesso será o de nossas crianças e de todos os profissionais que trabalham na Educação.

Um forte abraço,

Prof. Ruy Monteiro 


 

Mensagem original

De: Viviane Barcelos Alves < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Para: Cláudio Mendonça < Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. >

Assunto: Depoimentos

Enviada: 26/05/2010 12h54min

 

 

DEPOIMENTOS

1- O Quadro de Horários na Internet foi muito importante para os gestores da rede pública de ensino do Estado do Rio de Janeiro. O processo de elaboração nos propiciou momentos de muito trabalho, mas não demorou a colhermos os frutos deste mega desafio. Com ele, houve a transparência na gestão, bem como acompanhamento de todos os servidores da Unidade Escolar. Pais, alunos, funcionários e professores podem acessar de suas casas a vida estrutural da escola. O SGE nos permitiu acelerar o trabalho burocrático da secretaria e até hoje sentimos muita falta dele. Neste período, o gestor conhecia, pensava e resolvia os problemas relacionados à escola de forma competente, empreendedora e responsável, na construção de mudanças significativas buscando sempre uma educação pública de qualidade.

 

Viviane Barcelos Alves

Diretor Geral – C.E. Dom Otaviano de Albuquerque

 

 

2- O Quadro de Horários na Internet foi um projeto bem elaborado e de muita funcionalidade, visto que facilitou o acesso a busca dos servidores de toda a rede pública de ensino. O SGE, após implantação, foi de grande valia para as Unidades Escolares, pois, através deste, passaram a ter informatizadas todas as ações da escola.

 

                                 Neiva Sampaio

Gerente de Ensino – Coordenadoria Regional Norte Fluminense I

 

 

3- O QHI nos ajudou a organizar a vida funcional da escola, possibilitando maior agilidade e transparência trazendo assim um melhor desempenho profissional e funcional de todas as Unidades Escolares.

 

   Heloísa Vasconcelos

Diretor Geral – C.E. Alcindor Bessa

 

 

4- O SGE e o QHI foram divisores de águas na Educação, foram marcos da inclusão da Educação Pública do estado do Rio de Janeiro na era digital, haja vista que foram mecanismos de ponta para a qualidade da gestão.

 

Jackeline Freitas de Baptista

Diretor Geral – C.E. João Pessoa

 

 

5- Entendo que o Quadro de Horário no início foi muito trabalhoso, pois era algo novo, e como novo tudo tende a nos dar muito trabalho, mas, na verdade, foi uma visão de futuro, já que desta forma a SEEDUC consegue visualizar a realidade de cada Unidade Escolar. Quanto ao SGE foi muito difícil termos perdido, já que várias informações que tínhamos não conseguimos mais obter e como através dele conseguimos retirar ficha individual e boletim. Hoje estamos nos virando para conseguirmos preparar os boletins e as fichas individuais.

 

Maria José Rangel Ribeiro

Diretor Adjunto – C.E. Dom Otaviano de Albuquerque

 

 

6- Bem, como tudo que é novo, foi difícil inicialmente e as arestas tiveram que ser aparadas, porém adquirimos experiência e o QHI e o SGE muito nos auxiliaram no trabalho cotidiano da vida escolar. Contudo, como todo projeto governamental, o novo governo insiste em anular o anterior e nós ficamos no meio de tudo isso, entendendo que o que menos interessa é o “sucesso” da Educação.

 

Nicéa Flor Barcelos

Auxiliar Departamento de Pessoal e Professora de Língua Portuguesa

 

 

7- Inicialmente, a implantação do SGE deu trabalho, porém logo viu-se um excelente resultado, pois a secretaria da escola teve acesso rápido à fichas individuais dos alunos e facilitou a elaboração dos boletins. Quanto ao Quadro de Horário, foi um facilitador do trabalho de gestão, pois em qualquer lugar, a qualquer momento, se pode ter acesso aos horários, professores e turmas, podendo perceber a necessidade e facilitando assim o suprimento de carências.

Débora Viana Queiroz

Coordenador Pedagógico

 

 

8- A iniciativa do Governo em implantar o QHI e o SGE foi muito boa e a participação da escola nestes setores foi um avanço no que diz respeito a autonomia escolar. O diretor, bem como a secretaria acompanharam todo o processo de inclusão de professores e, consequentemente, o bom rendimento escolar.

Ionice Pessanha

Auxiliar de Secretaria

 

 

9- A implantação do QHI e do SGE foram uma maravilha para os gestores, pois facilitaram todo o trabalho educacional/administrativo e da própria Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro.

Jocimara da Silva Barreto

Diretor Geral – C.E. Atilano Chrysostomo de Oliveira

 

 

 

10- Foi uma das melhores coisas que aconteceram para a Educação, pois a escola ficou muito organizada. Podíamos acompanhar a vida de alunos e professores de forma real e no final do ano a escola estava com tudo fechado no que diz respeito ao administrativo.

Ai, que saudades que eu tenho do QHI e do SGE!

Joana Souza de Assis

Diretor Geral – C.E. Coronel Francisco Ribeiro da Mota Vasconcelos

 

 

 

 

 

11- O QHI foi muito positivo porque deu transparência, evitando situações dúbias de funcionários sem função real na escola. O SGE auxiliou muito a secretaria da escola, proporcionando mais agilidade nas documentações dos alunos e quando já tínhamos um bom domínio foi retirado, dificultando assim nosso trabalho. Tivemos que criar um modelo de fichas individuais para suprir a falta do SGE.

 

Vania Escocard

Secretária de Escola

 

 

 

 

 

 

 

Últimas Notícias



Get the Flash Player to see this player.

time2online Joomla Extensions: Simple Video Flash Player Module


Get the Flash Player to see this player.

time2online Joomla Extensions: Simple Video Flash Player Module

Online agora

Nós temos 61 visitantes online

Palestras

Palestras e Consultoria em Políticas Públicas, Educação e Responsabilidade Social.

Escreva para claudiomendonca@claudiomendonca.com.br

Reflexão

Nossas vacilações levam a marca de nossa honradez; nossas certezas, a de nossa impostura. A desonestidade de um pensador se reconhece pela quantidade de idéias precisas que enuncia.
Emil Cioran

 

Membro do:

image image image image image image image image image image
Palestra
#62milliongirls
DC Professores
DC Palestra
Girl Rising
Realizando Palestra na Conferência Nacional das Cidades
Com o Deputado Federal Áureo Lídio, debatendo o Estatuto do Imigrante
Palestra - Mauricio de Sousa
Abertura Oficina de Grafitagem
Abertura Oficina de Grafitagem